Um ano após entrega, moradores apontam infiltrações, trincas e goteiras em apartamentos da MRV em Ribeirão Preto


Problemas apareceram em condomínio no bairro Ipiranga, Zona Norte da cidade. Construtora diz que vai enviar equipe técnica para avaliar reclamações. Moradores reclamam de problemas em apartamentos de condomínio em Ribeirão, SP
Um ano após se mudarem para um condomínio no bairro Ipiranga, Zona Norte de Ribeirão Preto (SP), moradores convivem com problemas estruturais nos apartamentos. Segundo eles, os imóveis apresentam goteiras, infiltrações, trincas, piso e revestimentos soltos nos cômodos.
Em nota, a construtora MRV, responsável pela obra, informou que vai enviar uma equipe para avaliar a situação de cada um dos problemas apontados pelos consumidores.
Piso solto e revestimento oco
Segundo a professora Sandra Mara Valentim, quem vê o condomínio por fora não imagina os problemas enfrentados dentro de cada apartamento. Ela afirma que alguns vizinhos já perderam eletrodomésticos devido às falhas na rede elétrica.
Sandra diz que o piso de um dos quartos se soltou completamente e que, ao chegar em casa um dia, encontrou as placas da sala todas estufadas.
“Parecia que a sala encolheu e os pisos aumentaram, estava um encavalado no outro. Isso aqui tudo para cima. O cachorro estava em cima da cama, com medo. Deve ter sido uma explosão.”
Pisos ocos preocupam moradores de apartamentos da MRV em Ribeirão Preto-SP
Alexandre Sá/EPTV
O problema se entendeu por todo apartamento e atingiu a cozinha. Em uma das ocasiões, ela preparava o jantar quando percebeu a movimentação do piso.
“De repente, do nada, eu pisei perto do piso da pia e isso aqui começou a levantar e a tremer. Eu corri para cá, porque eu não sabia como pisar lá. Se eu pisasse no meio, eu ia cortar meu pé”, lembra.
Pai da professora, o pedreiro Jair Valetim aponta que os azulejos do banheiro estão ocos e que o risco de queda é grande. “Já começou a trincar. A hora que cair um, cai o resto. Se acontecer de sair um desses aqui, o painel sai por inteiro”, diz.

Infiltração incomoda moradores de apartamentos da MRV em Ribeirão Preto-SP
Alexandre Sá/EPTV
Dívida alta e casa com problemas
Na casa do pizzaiolo Robson Rosa de Souza, a maior preocupação é com a segurança dos filhos, de um e seis anos. Os pisos também se soltaram e um tapete foi colocado em baixo da mesa de jantar para disfarçar o problema.
“Entramos em contato com eles [MRV] e falam que a casa já saiu da garantia, sendo que faz um ano que compramos o apartamento”, diz.
Souza lamenta que tenha que desembolsar R$ 1,8 mil por mês para quitar a dívida de um imóvel novo com tantos problemas estruturais.
“É bem triste. Mas eles têm que arrumar isso. Não dá uma casa desse jeito, caindo aos pedaços.”
Outros apartamentos têm infiltrações e goteiras. Com medo, um dos moradores retirou as placas de PVC no forro para poder escoar a água que estava no teto. Vasilhas foram colocadas no banheiro para recolher a água que não para de pingar.
Pisos quebrados colocam em risco moradores de apartamentos da MRV em Ribeirão Preto-SP
Alexandre Sá/EPTV
Cobrança por soluções
Os condôminos dizem que várias reclamações foram feitas na construtora, mas que as soluções são lentas e não atendem aos pedidos.
“Eu gostaria de chegar do meu trabalho, cansada, deitar e falar: ‘pelo menos eu estou conseguindo pagar meu apartamento. Às duras penas, mas eu estou dentro de uma coisa que eu comprei, é boa, está valendo a pena. Todos aqui não têm a renda alta, é renda baixa. Precisamos trabalhar para conseguir manter e pagar isso aqui”, afirma Sandra.
Segundo a MRV, a construtora possui canais de relacionamento com o cliente, incluindo um portal e um aplicativo para reclamações dos “inconvenientes”. Os moradores podem usar as ferramentas para fazer as solicitações para que a companhia possa enviar representantes para avaliar os casos.
Com relação aos problemas mostrados na reportagem, a MRV informou que vai enviar uma equipe de técnicos ao local para analisar individualmente todas as questões.
Moradores utilizam potes de plástico para conter goteiras em apartamentos da MRV em Ribeirão Preto-SP
Alexandre Sá/EPTV
Veja mais notícias da região no G1 Ribeirão e Franca
Leia a notícia completa em G1 Um ano após entrega, moradores apontam infiltrações, trincas e goteiras em apartamentos da MRV em Ribeirão Preto

O que você pensa sobre isso?