Tribunal do Júri de Santarém deve julgar 19 processo de crimes dolosos contra a vida até final de agosto



O mutirão inicia segunda-feira (6) e se estende até o dia 31. Julgamentos serão no salão do Júri Popular da Comarca de Santarém. Tribunal do Juri da 3ª vara criminal de Santarém
Fábio Cadete
Dezenove processos de crimes dolosos contra a vida foram agendados pela Justiça do Pará para serem julgados no mês de agosto em Santarém, no oeste do Pará. O mutirão, que inicia na segunda-feira (6) e se estende até o dia 31 de agosto, visa agilizar as sessões referentes a homicídios e diminuir a lista de processos em andamento na Comarca do município.
Júris populares vão acontecer a partir das 8h, em dias úteis, devendo ser julgado um processo por dia. Ao todo, 22 réus participarão das audiências, 11 deles são acusados de homicídio consumado e oito de tentativa de homicídio.
“O mutirão atende a meta 4 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que busca julgar todos os processos que tenham dado entrada no Judiciário 31.12.2012”, disse o juiz Gabriel Veloso de Araújo, titular da 3ª. Vara Criminal Especializada em Crimes Dolosos Contra a Vida.
Dos 22 réus, três são mulheres. Duas são acusadas de tentativa de homicídio e uma de homicídio qualificado.
Leia a notícia completa em G1 Tribunal do Júri de Santarém deve julgar 19 processo de crimes dolosos contra a vida até final de agosto

O que você pensa sobre isso?