Santa Teresa realiza 1º festival de cinema com a exibição de 35 filmes



Evento acontece entre os dias 16 e 18 de agosto e é aberto ao público. Veja programação! Documentário Rio das Lágrimas Secas, de Sáskia Sá, compete na 13ª Mostra Produção Independente
Reprodução/Documentário Rio das Lágrimas Secas
O 1º Festival de Cinema de Santa Teresa (FECSTA) acontece entre os dias 16 e 18 de agosto. Serão exibidas 35 produções audiovisuais. Algumas obras competem na mostra “Passa na Praça que a Tela te Abraça”.
A programação ainda tem palestras, workshop, serenata e lançamento de livro. O evento é aberto ao público.
Os locais de exibição se dividem entre o Instituto Nacional da Mata Atlântica (INMA), a Rua do Lazer, o auditório da Secretaria de Turismo e Cultura e a Praça Duque de Caxias.
Na abertura do festival, acontece a serenata em que as pessoas caminham junto com sanfoneiros locais e grupos de dança, fazendo pausas em prédios antigos para ouvir artistas recitando poemas.
Jurados
O júri é composto pela professora de cinema da UFES Daniela Zanetti, a produtora cultural e repórter fotográfico Martha Twice e pela atriz e produtora cultural Janaína Ávila.
Homenageado
O ator Markus Konka será o homenageado desta primeira edição. O artista é um dos nomes mais expressivos do cinema Capixaba e tem 40 anos dedicados ao teatro, dança e cinema artes.
Serviço
1º Festival de Cinema de Santa Teresa
Data: 15 a 18 de agosto.
Local: Santa Teresa
Gratuito
Programação
Quinta-feira (16/08)
Local: Instituto Nacional da Mata Atlântica – INMA
11h às 12h – Palestra com o Escritor Eduardo Madeira: “Do que eu falo quando eu falo sobre a escrita” (em referência ao livro de Raymond Carver (What we talk when we talk about love).
Venda do livro do escritor Eduardo Madeira, Bichos que Habitam as Frestas.
12h30 às 16h30 – Workshop – Prestação de contas para Projetos audiovisuais – Ancine Regulamentação e Prática. Apoio SEBRAE.
Local: Rua do Lazer
17h às 18h – Abertura :Uma Serenata sairá da Rua do Lazer e percorrerá um trajeto até a praça Duque de Caxias, com sanfoneiros e manifestações poéticas. No trajeto, em várias sacadas dos casarios antigos haverá declamação de poesias. Após percorrer o trajeto, Serenata para na Praça Duque de Caxias onde acontece a Mostra Competitiva Livre Passa na Praça que a Tela Te Abraça.
19h às 21h30 – Exibição do Longa-Metragem PUNHAL de LUIZA LUBIANA.
21h30 às 22h30 – Exibição dos Curtas – Metragens
Vovô Faz 100 Anos – Janine Correa – ES
Destino – Moisés Pantolfi – SP
Astronauta – Theo Tajes – RS –
O Projeto de meu pai – Rosaria – ES
URsortudo – Januário Jr. – DF
Do Corpo Da Terra – Julia Mariano – RJ
Local: Instituto Nacional da Mata Atlântica – INMA
23h – Coquetel de Abertura do Festival e lançamento do livro “Bichos que habitam as frestas” do escritor Eduardo Madeira, no auditório do INMA, com degustação de vinho para cineastas, equipe técnica, patrocinadores e convidados.
Sexta-feira (17/08)
Local: Instituto Nacional da Mata Atlântica – INMA
9h às 13h – Continuação do Workshop – Prestação de contas para Projetos audiovisuais – Ancine Regulamentação e Prática.
14h às 15h – Conversa com três cineastas e o público.
Local: Auditório da Secretaria de Turismo e Cultura
15h20 às 17h20 – Mostra Frenética – SESSÃO 1
Apresentação de Inácia Freitas e Markus Konka:
Exibição dos filmes
Divina Luz – Ricardo Sá – ES
O Mundo É um Moinho – Rubens Takamine – RJ
A Própria Cauda- Virginia Jorge – ES
Tendência – Jonathan Souza – DF
Diamante, O Bailarina – Pedro Jorge – SP
A “Hidra” de Pilares – Lucas Bonini – ES
Deuteronomio – Érico Luz – SP
O Mar de Helena – Lucas Vasconcelos – RJ
LOCAL: Praça Duque de Caxias
19h30 – Apresentação de Inácia Freitas e Markus Konka
20h às 22h – Mostra Competitiva Livre – Passa Na Praça Que a Tela Te Abraça.
Exibição dos filmes:
Rio de Lágrimas Secas – Saskia Sá – ES
Minhas Horas com Camomila –Tati Rabelo e Rod Linhales -ES
Filhos de Guerreiros – Sofia Amaral – SP
Juba – Severino Neto e Rafael de Carvalho – MT
Labor – Thiago Moulin – ES
Cana – Giovani Simoneti Beloto – SP
Close – Rosane Gurgel – CE
Carroça 21 – Gustavo Pena – SP
Sábado (18/08)
Local: Instituto Nacional da Mata Atlântica – INMA
14h às 15h – Palestra com a Historiadora Cintia Braga. Tema: o cinema místico-revolucionário de Glauber Rocha.
15h15 às 16h15 – Roda de conversa com os cineastas e o público.
16h40 às 18h40 – Mostra Frenética – Sessão 2
Exibição dos filmes:
A Cidade das Meninas – Paola Favaro – SP
Pão de rosas – Daniela Camila – ES
O Forasteiro – Diogo Cronemberger – PI
A Rua Das Casas Surdas – Gabriel Mayer e Flávio Costa – RS
Ferida – Dandi Queiroz – SP
O Bosque dos Sonâmbulos – Matheus Marchetti – SP
20h às 21h40 – Mostra Competitiva Livre – Passa na Praça Que A Tela Te Abraça.
Exibição dos filmes:
Minha Avó é Uma Fotografia – Monica Nitz
Baton vermelho – Luiz Campos – SP
Esperando Fidel – Bruno Miranda – SP
Relicarium – Willian de Oliveira – PR
Quem Luta Ocupa – Juliana Torquato – RS
A luta – Bruno Bennec – MG
Os insenicos – Rafaela Uchoa – BA
21h40 às 22h- Exibição do trabalho produzido pelos alunos nas oficinas oferecidas aos alunos do 9º ano ao Ensino Médio.
22h00 – Premiação: Serão entregues o troféu e o prêmio em dinheiro para o melhor filme. Além dos troféus para o melhor filme escolhido pelo júri popular, duas menções honrosas e as categorias melhor atriz/Ator, melhor montagem e direção de arte.
23h30 – Encerramento – Rua do Lazer de Santa Teresa, com muita FECSTA.
Leia a notícia completa em G1 Santa Teresa realiza 1º festival de cinema com a exibição de 35 filmes

O que você pensa sobre isso?