Operação República desarticula esquema de entrada de drogas na Penitenciária de Martinópolis


Polícia Civil realizou na manhã deste sábado (13) uma varredura em pensões que hospedavam parentes de detentos que cumprem pena na cidade. Penitenciária de Martinópolis
Heloise Hamada/TV Fronteira
A Polícia Civil desencadeou na manhã deste sábado (13) a Operação República com o objetivo de desmantelar um esquema de entrada de drogas na Penitenciária de Martinópolis. Uma varredura realizada em nove pensões da cidade resultou na prisão de quatro pessoas suspeitas, que são parentes de detentos que cumprem pena na unidade carcerária. As pessoas presas são moradoras de outras cidades e usavam as hospedagens para passar a noite em Martinópolis enquanto aguardavam a liberação do horário de visitas para os detentos.
Segundo a Polícia Civil, as investigações tiveram início após a constatação, nos últimos meses, de registros de ocorrências de pessoas que entravam na penitenciária da cidade portando drogas aos fins de semana.
Três pessoas foram presas por tráfico de drogas e uma por organização criminosa. Esta, segundo a polícia, foi flagrada em uma pensão da cidade com um caderno de anotações, no qual havia detalhes de pessoas “batizadas”, incluindo nomes, datas de nascimento e até matrícula dos presos das penitenciárias, com detalhamento sobre para quem iriam os entorpecentes.
Já a quantidade de droga apreendida com os outros três indivíduos, conforme a polícia, ainda não foi contabilizada.
A Polícia Civil ainda informou que existe um quinto suspeito, dono de uma pensão do município, que está sendo investigado por possível tráfico de droga. Com ele foi apreendido um material que neste momento está em Presidente Prudente, no Instituto de Criminalística, onde passa por análise. Se confirmado se tratar de droga, a pessoa será a quinta a ser presa na operação.
Leia a notícia completa em G1 Operação República desarticula esquema de entrada de drogas na Penitenciária de Martinópolis

O que você pensa sobre isso?