No Acre, quatro são presos por desmatamento, invasão de terras públicas e porte de arma


Ação da Polícia Federal, ICMBio e MPF de combate a desmatamentos ocorreu na quinta-feira (11) e sobrevoou áreas de reserva. Ação conjunta prendeu quatro por desmatamento, porte ilegal de arma e invasão de terras no Acre
Divulgação/PF-AC
Uma operação da Polícia Federal, Instituto Chico Mendes de Conservação de Biodiversidade e Ministério Público Federal (MPF) resultou na prisão de quatro pessoas em flagrante nesta quinta-feira (11) no Acre. A ação tinha objetivo de combater o desmatamento no estado.
Os presos, que não tiveram os nomes revelados, foram indiciados pelos crimes de desmatamento de áreas da União, invasão de terras públicas, porte ilegal de arma de fogo e utilização de motosserra sem registro. Com o grupo, foram apreendidas armas, munições e motosserra. Eles foram levados para a sede da PF em Rio Branco.
Na ação, a polícia sobrevoou áreas de desmatamento na Reserva Arapixi, na cidade de Boca do Acre e proximidades. Além disso, foi feita uma barreira policial para fiscalizar possíveis veículos fazendo transporte de insumos e equipamentos utilizados para desmatamento.
Material apreendido em ação de combate ao desmatamento no estado
Divulgação/PF-AC
Leia a notícia completa em G1 No Acre, quatro são presos por desmatamento, invasão de terras públicas e porte de arma

O que você pensa sobre isso?