Brasileiro autodidata cria a maior coleção de frutas do mundo em pomar

No jardim do Helton existem mais de 1.400 espécies. O material que é retirado do pomar dele segue para pesquisas em várias universidades.

 

Uma das maiores coleções de frutas do mundo é de um brasileiro autodidata, que só estudou até a oitava série. Helton deixou a escola para se dedicar ao cultivo de um pomar nada convencional. Hoje o frutólogo vive da venda de mudas e ainda ajuda a família. Tem mais de 1.400 espécies de frutas e mais de mil são nativas do Brasil.

Apesar de serem frutas nativas, não é possível encontrá-las nas feiras ou supermercados. O material que é retirado do pomar segue para pesquisas em várias universidades. Uma coisa os pesquisadores já descobriram: as frutas vermelhas brasileiras têm mais antioxidantes do que as importadas. Uma das nossas vermelhas nativas é o muricí vermelho. Ele tem atividade antioxidante superior ao morango.

saiba mais

Festival do ora-pro-nóbis movimenta o turismo em Sabará (MG)

Pólen tirado das flores pelas abelhas é um antibiótico natural, dizem estudos

‘Bomba de saúde’, buriti tem mais betacaroteno que a cenoura

Camu-camu chega a ter 20 vezes mais vitamina C do que a laranja

Você sabe a origem das frutas que comemos? Faça o teste!

E as surpresas brotam sem parar: o cambuiti, chichá, mamão do mato. A equipe do Globo Repórter se juntou ao Helton para descobrir onde está a pitanga de polpa azul, uma fruta do Cerrado que precisa ser encontrada pra ser salva da extinção. “A melhor maneira de viver é ter a curiosidade de conhecer”, afirma Helton.
Leia a notícia completa em G1 Brasileiro autodidata cria a maior coleção de frutas do mundo em pomar

O que você pensa sobre isso?