Suspeito de roubar R$ 37,5 mil de loja é preso com revólver no Centro de Macapá


Assalto na tapeçaria ocorreu em abril. Homem foi visto pela PM próximo de agência bancária e tentou fugir ao ver uma viatura. Ele foi preso nesta segunda-feira (24). Revólver calibre 38 com cinco munições foi apreendido com o suspeito
Polícia Militar/Divulgação
Um jovem identificado como Tiago Ataíde Vales, de 23 anos, foi preso na tarde desta segunda-feira (24) pela Polícia Militar (PM) ao ser visto por uma equipe de videomonitoramento quando trafegava com um revólver em punho, no Centro de Macapá.
De acordo com o tenente Josiagabe Oliveira, o rapaz foi reconhecido por uma vítima como um dos suspeitos de assaltar uma loja de tapeçaria, no dia 23 de abril, localizada próximo onde ele foi preso. Na ocasião, um malote com R$ 37,5 mil foi levado por uma dupla armada.
“Essa ocorrência foi feita pela equipe de videomonitoramento e aconteceu na área central. Os policiais perceberam a chegada suspeita desse indivíduo em frente a uma agência bancária, ele desceu de um mototáxi, aí tentaram a abordagem”, disse.
Homem tentou fugir, mas foi preso na praça Floriano Peixoto, no Centro de Macapá
John Pacheco/G1
Com a aproximação da viatura, o suspeito correu com a arma de fogo que chegou ser apontada para a equipe, segundo o tenente. Os policiais conseguiam fazer o acompanhamento e, com apoio de mais duas viaturas, o cerco foi feito na Praça Floriano Peixoto.
Com o suspeito, a polícia apreendeu um revólver calibre 38 com cinco munições intactas. Tiago Vales foi apresentado no Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) do bairro Pacoval, onde aguarda audiência de custódia.
“Ele não quis se pronunciar sobre a situação, mas tudo indica que ele queria praticar um assalto naquela região de comércio. O mesmo ainda tentou fugir ao apontar a arma para a equipe policial”, finalizou o tenente.
Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
Leia a notícia completa em G1 Suspeito de roubar R$ 37,5 mil de loja é preso com revólver no Centro de Macapá

O que você pensa sobre isso?