Queda da lira turca pode impulsionar a dona da Zara no país

MADRI – A queda da lira turca poderia impulsionar a Inditex, dona da espanhola Zara, reduzindo seus custos de fabricação de roupas na Turquia, importante base manufatureira, mesmo com a crise econômica daquele país ameaçando a demanda dos consumidores.A Turquia, cuja moeda despencou 17% em relação ao dólar nesta sexta-feira, é uma importante fonte de vestuário para a Inditex, que também opera as marcas Massimo Dutti e Pull & Bear, entre outras. A lira caiu 18% em relação ao euro, a moeda principal da Inditex.A Inditex fabrica cerca de 15% de seus produtos na Turquia, um de seus quatro principais centros de produção, juntamente com a Espanha, Portugal e Marrocos, segundo estimativas publicadas em 30 de julho pela analista da Societe Generale, Anne Critchlow. A Inditex, cujas ações estavam em baixa de 0,2% na sexta-feira, não divide o volume de recursos de cada país.Por outro lado, a crise econômica na Turquia poderia prejudicar a demanda por roupas em um importante mercado para a Inditex.A empresa tem uma participação de 4,8% no mercado turco de vestuário, de acordo com estimativas da Societe General. Isso faz da Turquia o oitavo maior mercado em participação entre os mais de 90 países onde a varejista opera. Em 31 de janeiro de 2017, a Inditex tinha 223 lojas na Turquia.Contatada pela Bloomberg, a assessoria da empresa não se pronunciou.
Leia a notícia completa em O Globo Queda da lira turca pode impulsionar a dona da Zara no país

O que você pensa sobre isso?