Primavera dos Museus tem programação especial em Juiz de Fora e São João del Rei


Confira as atividades previstas no Museu Mariano Procópio e no Museu Regional. Um dos relógios que estará na exposição “A arte do tempo” do Museu Mariano Procópio em Juiz de Fora
Museu Mariano Procópio/Divulgação
Com o tema “Celebrando Educação em Museus”, a 12ª edição do Primavera de Museus deve movimentar instituições na Zona da Mata e no Campo das Vertentes.
O Museu Mariano Procópio, em Juiz de Fora, terá atividades diversificadas voltadas para públicos de todas as idades. Já o Museu Regional de São João del Rei investiu no debate para estudantes e profissionais das áreas relacionadas. (confira as programações abaixo).
O objetivo do evento é destacar o lançamento do Caderno da Política Nacional de Educação Museal (PNEM), que ocorreu em junho deste ano, pela Coordenação de Museologia Social e Educação (Comuse).
A publicação aborda os princípios e diretrizes dessa política, que visa a nortear gestores, educadores e demais interessados na prática da educação museal.
O assunto ganhou peso com a comoção causada pelo incêndio que atingiu o Museu Nacional do Rio de Janeiro no dia 2 de setembro.
Construída em 1861, a Villa do Museu Mariano Procópio em Juiz de Fora é a casa-museu mais antiga do Brasil
Roberta Oliveira/G1
Museu Mariano Procópio
Uma programação extensa, com ações diversificadas para atender público de todas as idades será realizada a partir desta segunda-feira (17), no Museu Mariano Procópio.
“A gente tentou abarcar tudo bem amarradinho no tema ‘Celebrando a educação em museus’, de passar um pouco da cultura do museu de ser um espaço aberto a qualquer tipo de trabalho e todos os públicos. Para aproximar o público, teremos nova exposição, ações que exploram o Jardim, a Villa e a Galeria Maria Amália”, contou a coordenadora de Atividades Educativas, Laura Freesz.
A exposição “Esplendor das Formas” permanece em cartaz, mas terá a companhia de uma nova mostra na última sala do prédio Anexo e a tecnologia irá ajudar os visitantes.
“Teremos a exposição ‘A arte do tempo’, com 20 relógios do início do século 18 ao início do século 20 do acervo do Museu, como objetos de decorativismo. Tudo que está exposto nas duas mostras possui legenda, mas às vezes as pessoas ficam curiosas ou acanhadas de perguntar. Pensando nisso, algumas peças terão QR Code, como forma de aumentar a informação ao visitante”, disse.
A programação local inclui a programação conjunta do Museu Mariano Procópio com o Museu de Arte Murilo Mendes (MAMM) e com o Museu Ferroviário para promover, divulgar e valorizar as instituições da cidade. “Vamos fazer um tour pelas três instituições na tarde de sábado (22) com uma turma de estudantes de Turismo, como um treinamento cultural”, afirmou Freesz.
Museu Mariano Procópio completou 97 anos no dia 23 de junho
Museu Mariano Procópio/Divulgação
Quem quiser tirar dúvidas sobre a programação, deve ligar para o telefone (32) 3690-2027. Segundo a coordenadora, a instituição não tem estimativa de público para as atividades da Primavera dos Museus.
“Já temos cadastrado a visita de 250 alunos no evento. O público espontâneo é sempre uma surpresa. A gente espera superar o resultado de agosto, quando recebemos pouco mais de 1.200 visitantes na Galeria Maria Amália”, comentou.
Confira a programação da Primavera dos Museus no Mariano Procópio:
Segunda-feira (17)
9h às 17h: visita técnica com colaboradores internos do Museu.
Terça (18) a sexta-feira (21)
8h às 18h: O que é o Museu” – Campanha educativa, com alunos da rede municipal de ensino. O material será exposto em um grande varal no parque da instituição;
9h às 17h: visita mediada com destaque para os jardins, história da família Ferreira Lage, prédios históricos e a exposição “Esplendor das formas”;
10h às 17h: exibição do filme “Vozes da Memória” será exibido em um monitor na galeria “Maria Amália”;
10h às 17h: exposição “A arte do tempo” com relógios do acervo do Museu. A utilização dos objetos como itens de decoração.
Quarta-feira (19)
9h às 12h: visita interativa em família no Parque e Prédios Históricos para crianças de 7 a 11 anos acompanhadas de pais ou responsáveis, a fim de promover a integração e interação com o museu.
Quinta-feira (20)
9h: visita para alunos de Língua Brasileira de Sinais (Libras) como mediação de visita em espaço museológico.
16h às 18h: exibição de filme “Novas formas de se pensar a educação brasileira”, seguido de mesa-redonda sobre o tema. Evento para educadores e estudantes do ensino superior.
Sexta-feira (21)
15h às 17h: ação educativa “Aulão no Museu” aberta a instituições de ensino que queiram promover aulas externas no parque e entorno dos prédios históricos.
16h às 17h: apresentação do Coro Acadêmico: Atividade de estímulo à música, destacando a importância do contexto histórico e cultural, na Galeria Maria Amália, no interior do prédio Museu “Mariano Procópio”.
Sábado (22)
9h às 12h: Encontros no Jardim – sensibilização do público infantil de 5 a 8 anos sobre o meio ambiente e cidadania. Atividade com oficinas, brincadeiras e música no Parque do Museu.
14h às 18h: atividade conjunta envolvendo Museu de Arte Moderna Murilo Mendes (MAMM), Museu Ferroviário de Juiz de Fora e Fundação Museu Mariano Procópio: roteiro de atividades que visam à formação e ampliação da percepção dos museus da cidade pelo Curso de Turismo da Universidade Federal de Juiz de Fora.
14h às 18h: Brincafeira do livro – venda de livros infantis, cantinho de leitura, contação de histórias e oficinas educativas no Parque do Museu.
Domingo (23)
8h30 a 12h30: Oficina de Palhagogia – Atividade voltada para educadores e estudantes. Trabalha o universo do palhaço, o improviso, o corpo cômico e a relação com as crianças, utilizando a lógica do palhaço como fio condutor.
Museu Regional realizará I Seminário de Educação Museal nesta segunda (17) e terça (18)
Museu Regional/Arquivo
Museu Regional de São João del Rei
Em parceria com Museu Casa de Padre Toledo e com a Rede de Educadores em Museus (REM – Campo das Vertentes), o Museu Regional realiza o “I Seminário de Educação Museal”. O evento ocorre na segunda (17) e terça (18), em São João del Rei.
A programação também inclui visita técnica ao Museu da Inconfidência, em Ouro Preto. O foco é a capacitação de estudantes dos cursos de Pedagogia e História, profissionais de museus além dos funcionários da instituição.
A Técnica em Assuntos Educacionais da Coordenação Setor Educativo, Ana Maria Nogueira Oliveira, que também será uma das palestrantes, destacou que os interessados precisam se inscrever.
“É necessária para aqueles que queiram o certificado de participação. As palestras, seguidas de debates, serão dos professores Jezulino Braga da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e Christianni Morais, do curso de Pedagogia da Universidade Federal de São João del Rei (UFSJ). Na sexta (21), acontecerá uma visita técnica aos museus de Ouro Preto, uma capacitação da equipe do Museu Regional”, contou.
O Museu Regional funciona na Rua Marechal Deodoro, nº 12, no Centro de São João del Rei. O funcionamento de segunda à sexta-feiras é das 9h às 17h30. Aos sábados, domingos e feriados, está aberto das 9h às 16h.
Confira a programação completa do “I Seminário de Educação Museal”
Segunda-feira (17)
19h: Reinauguração de parte da exposição de Longa Duração do MRSJDR;
19h30: Apresentação do Caderno do PNEM por Ana Maria Nogueira;
20h: Palestra seguida de debate. Tema: “Educação museal na relação com as dimensões éticas, estéticas, políticas e sensíveis dos sujeitos”, por Jesulino Lúcio Braga (UFMG).
Terça-feira (18)
19h30: As experiências dos Setores Educativos: relato de experiências por educadores de museus da região;
20h: Palestra seguida de debate. Tema: “Experiências docentes no Ensino Superior com o patrimônio histórico e museus de São João Del-Rei e Tiradentes”, por Christianni Morais (UFSJ).
Museu Regional de São João del Rei recebe verbas para obras de melhoria
Museus da região
Após o incêndio que destruiu o Museu Nacional, o MGTV exibiu reportagens mostrando a situação das instituições da Zona da Mata e Campo das Vertentes, além de destacar como estão os acervos protegidos por eles.
Confira as matérias e as repercussões sobre o assunto nos links abaixo:
Museus de Juiz de Fora não possuem auto de vistoria do Corpo de Bombeiros
UFJF abriga Museu de Arqueologia e Etnologia Americana, mas local está fechado
Museu de Malacologia está com processo de reconhecimento em tramitação na UFJF
Museu de São João del Rei recebe verbas para obras de melhoria
Museu em Viçosa guarda artigos que pertenciam ao Museu Nacional
Escola de Juiz de Fora foi a última a visitar Museu Nacional antes de incêndio
MAMM recebe exposição contemporânea em Juiz de Fora
Memória MGTV destaca história de acervos de museus em Juiz de Fora
Leia a notícia completa em G1 Primavera dos Museus tem programação especial em Juiz de Fora e São João del Rei

O que você pensa sobre isso?