Presidente do TSE chama diretor da PF para cargo no tribunal


BRASILIA — A presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Rosa Weber, convidou o diretor-geral da Polícia Federal, Rogério Galloro, para integrar a equipe dela no tribunal. Galloro deixa o comando da PF em 15 de janeiro, quando será substituído por Maurício Valeixo, superintendente da polícia no Paraná. Galloro ainda não respondeu se vai ou não para o TSE. Está praticamente certo, no entanto, que o diretor não ocupará cargo no Ministério da Justiça, conforme hipótese levantada pelo futuro ministro Sergio Moro há duas semanas.Galloro se aproximou de Rosa Weber durante as eleições, quando o TSE teve que recorrer à polícia para reforçar o combate a fake news, sobretudo entre o primeiro e o segundo turno da corrida presidencial. TSENo início do ano, quando estava à frente do TSE, o ministro Luiz Fux prometeu ser implacável contra mentiras nas campanhas eleitorais. Mas, só ao final do primeiro turno, quando confrontada com uma série de acusações sobre fake news, Rosa Weber se deu conta de que não existem instrumentos eficazes para conter a difusão de mentiras, sobretudo quando invencionices são espalhadas em grupos Whatsapp.
Leia a notícia completa em O Globo Presidente do TSE chama diretor da PF para cargo no tribunal

O que você pensa sobre isso?