Polícia Civil prende vereador de Araçariguama por corrupção eleitoral

Genivaldo Vidal dos Santos é apontado pela investigação como responsável por fraude para “naturalizar” eleitores. Câmara e prefeitura ainda não se manifestaram sobre o assunto. Vereador Genivaldo Vidal dos Santos foi preso em Araçariguama
Arquivo pessoal
A Polícia Civil prendeu nesta segunda-feira (28) o vereador de Araçariguama (SP) Genivaldo Vidal dos Santos (PSB), atual vice-presidente da Câmara Municipal. Conhecido como “Tubaína”, ele foi condenado a oito anos de prisão por corrupção eleitoral.
De acordo com a polícia, ele era um dos responsáveis por um esquema para fraudar documentos e “naturalizar” moradores de outras cidades para votarem em Araçariguama.
Em troca, oferecia lotes em um condomínio do município e, segundo a polícia, providenciava documentos falsos para serem usados na transferência de título eleitoral.
A polícia começou a investigar o caso após perceber que o número de eleitores era maior que de moradores da cidade.
Em 2016, Genivaldo chegou a ser preso junto com outros dois assessores, mas foi solto para responder ao processo em liberdade. No mesmo ano, se candidatou e foi reeleito com 347 votos no primeiro turno.
O G1 tentou contato com a Câmara de Vereadores de Araçariguama por telefone e e-mail, assim como a prefeitura, mas ainda não obteve retorno. A defesa do vereador não foi encontrada para comentar o caso.
Genivaldo Vidal dos Santos foi preso por corrupção eleitoral
Divulgação/Câmara de Araçariguama
Veja mais notícias da região no G1 Sorocaba e Jundiaí
Leia a notícia completa em G1 Polícia Civil prende vereador de Araçariguama por corrupção eleitoral

O que você pensa sobre isso?