Pistoleiro condenado a 100 anos de prisão por morte de família é preso na divisa do PI


Ele foi condenado pelas mortes de quatro pessoas da mesma família, nas cidades de Pio IX e Aiuaba, município cearense. Pistoleiro foi preso pela Polícia Civil de Pio IX
Divulgação/Polícia Civil
A Polícia Civil do Piauí prendeu nesta quinta-feira (23) o homem identificado como Francisco Elimário de Araújo Feitosa na cidade de Tauá, no Ceará. Ele foi condenado a 100 anos de prisão pelas mortes de quatro pessoas da mesma família nas cidades de Pio IX e Aiuaba, município cearense.
“Os crimes ocorreram nos anos de 2007 e 2009. Ele foi condenado pelo crime de pistolagem ficou um tempo preso, recebeu harbeas corpus e agora era considerado foragido. A prisão foi fruto ação conjunta das polícias do Piauí e do Ceará, e de grande importância tendo em vista que o indivíduo é de alta periculosidade e condenado por diversos homicídios”, declarou.
Segundo o delegado, o preso responde por outros processos de homicídios e seria pistoleiro profissional. Há meses, policiais do Piauí estavam acompanhando o acusado e identificaram o local onde ele estava morando no Ceará.
“Os policiais estavam acampados próximo ao endereço dele. Quando ele ia se aproximando da casa, nós conseguimos prendê-lo. Francisco Elimário será transferido para o presídio de Picos”, acrescentou.
Leia a notícia completa em G1 Pistoleiro condenado a 100 anos de prisão por morte de família é preso na divisa do PI

O que você pensa sobre isso?