Para assumir Secretaria de Educação deputado do Rio e empresário de São Paulo são cotados


RIO — Dois nomes disputam a preferência do governador eleito Wilson Witzel para comandar a Secretaria de Educação, que terá um orçamento de mais de R$ 7 bilhões no ano que vem: o deputado estadual Pedro Fernandes (sem partido) e o empresário do setor educacional Felipe Nery, dono do Colégio São José, em Osasco, São Paulo. Nery diz ser contra a discussão sobre a ideologia de gênero nas escolas e estar afinado com as propostas do presidente eleito, Jair Bolsonaro. Pedro Fernandes, por sua vez, foi candidato ao Palácio Guanabara pelo PDT e, ao ser derrotado, optou pelo apoio a Witzel no segundo turno. links secretariado witzelFormado em Educação Física e professor de mestrado na Universidad Católica Santo Toribio de Mogrovejo, em Lima, no Peru, Nery afirma que seus cursos tratam “dos problemas da educação brasileira”.Leia a reportagem na íntegra.
Leia a notícia completa em O Globo Para assumir Secretaria de Educação deputado do Rio e empresário de São Paulo são cotados

O que você pensa sobre isso?