Museu Casa de Louis Armstrong recebe US$ 1,9 milhão da prefeitura de Nova York


NOVA YORK — A pequena casa branca em Corona, no Queens, ao lado da residência de Louis e Lucille Armstrong, não seria digna de nota se a vizinha do casal, Selma Heraldo, não tivesse se tornado tão próxima deles.

Nos anos seguintes à morte do grande nome do jazz e de sua esposa (1971 e 1983, respectivamente), Heraldo foi um elo tangível com o casal. Ela era uma moradora local que conhecia a vida cotidiana deles no Queens, e depois frequentaria regularmente os eventos realizados pelo Museu Casa de Louis Armstrong, aberto no local da antiga residência do músico, em 2003. Quando Heraldo morreu, em 2011, deixou sua própria casa para o Museu.

Links jazzAgora, o Departamento de Assuntos Culturais de Nova York e o museu anunciaram que a cidade alocou US$ 1,9 milhão para ajudar a reformar a casa de dois andares de Heraldo, conhecida como Casa de Selma, um projeto que também recebeu cerca de US$ 1 milhão da cidade em julho do ano passado. Em um projeto separado já em andamento, um centro de educação e um clube de jazz estão sendo construídos em frente.

A reforma é importante, pois a casa de Heraldo começou a mostrar sua idade. No inverno passado, a caldeira explodiu. O museu espera melhorar as condição, mantendo o caráter histórico.

— Você entra e pensa que está voltando para 1950 — diz B.J. Adler, diretor interino do museu.

Além de acrescentar espaços de escritório e armazenamento na Casa de Selma, o museu planeja renovar a cozinha para o serviço de alimentação. A comida feita lá será servida em shows e outros eventos no museu, nos quais feijão vermelho e arroz — prato favorito de Armstrong — já são frequentemente oferecidos com chá.

A própria Heraldo deixou claro que esperava que a aparência original da casa não fosse alterada. A partir do momento em que o museu foi inaugurado, ela costumava ir até a casa ao lado e contar histórias de seus famosos vizinhos, que chegaram em 1943.

— Ela se tornou parte da história — destaca Adler.


Leia a notícia completa em O Globo Museu Casa de Louis Armstrong recebe US$ 1,9 milhão da prefeitura de Nova York

O que você pensa sobre isso?