Melania Trump é indenizada por jornal que publicou alegações falsas

USA-TRUMP_MELANIA-LAWSUIT

LONDRES — Melania Trump recebeu indenização pelo jornal britânico “Daily Mail” que, em agosto do ano passado, publicou alegações falsas referentes ao trabalho como modelo da primeira-dama americana. Melania aceitou o pedido de desculpas da empresa de mídia.

Melania Trump havia processado o “Daily Mail” no Reino Unido e o “Mail Online” nos Estados Unidos devido à publicação datada de agosto de 2016. O advogado da primeira-dama alegou que a reportagem feriu a habilidade de Melania de construir negócios baseados em seu status como uma “empresária de sucesso”.

Um comunicado divulgado por ambas as partes nesta quarta-feira afirma que o jornal se retratou devido às falsas alegações de que Melania “ofereceu serviços que iam além de simplesmente modelar” e concordou em indenizar a primeira-dama. A quantia não foi especificada.

Como parte do acordo, o jornal britânico publicou um pedido de desculpas, dizendo que “aceitamos que essas alegações sobre Trump não são verdadeiras e nos retratamos e as retiramos”.

A matéria em questão, publicada no dia 20 de agosto de 2016, pelo jornal Daily Mail e o site Mail Online/DailyMail.com, sobre Melania Trump, questionava a natureza do seu trabalho como modelo profissional, e republicaram alegações de que ela ofereceu serviços além de simplesmente trabalhar como modelo.

Fonte: O Globo

O que você pensa sobre isso?