Médicos do SUS são demitidos por descumprirem horário de trabalho em Barbacena

Auditoria feita pela Secretaria Municipal de Saúde apontou que cinco profissionais trabalhavam até três horas a menos do que as oito determinadas em contrato. Unidade Básica de Saúde Vilela, em Barbacena
Reprodução/TV Integração
Cinco médicos foram demitidos em Barbacena após uma auditoria comprovar que eles não cumpriam o horário de trabalho determinado em contrato. Os profissionais faziam parte das equipes que atendem pelo Sistema Único de Saúde (SUS) na cidade.
De acordo com o Secretário Municipal de Saúde, José Orleans, os profissionais deveriam cumprir uma carga horária de oito horas de trabalho diariamente. A auditoria, no entanto, apontou que eles trabalhavam até três horas a menos que o determinado.
“Os médicos do programa Saúde da Família, por regra do Ministério da Saúde, trabalham oito horas por dia. Fizemos uma verificação in loco em todas as unidades e constatamos que estes profissionais não estavam cumprindo isso”, explicou.
Quatro dos profissionais atuavam na área de clínica médica e uma delas como psiquiatra. Os médicos tinham contratos renováveis e com um salário de R$ 8.600.
A demissão dos médicos já causa impacto no atendimento nas unidades de Saúde da cidade e cidadãos reclamam das dificuldades para conseguir atendimento.
“Eles estavam me falando que não tem médico e que o que tem está vindo só duas vezes por semana. Ninguém está conseguindo atendimento fácil por aqui, está é difícil demais”, afirmou o servente, David Leonel, que buscava atendimento no posto do Bairro Nova Suiça.
A Secretaria Municipal de Saúde informou que está fazendo entrevistas para contratação de novos médicos para substituírem os que foram demitidos. Não foi confirmada, no entanto, a data para que os novos profissionais comecem a atuar na cidade.
Leia a notícia completa em G1 Médicos do SUS são demitidos por descumprirem horário de trabalho em Barbacena

O que você pensa sobre isso?