Leilão de objetos de Stephen Hawking rende R$ 8,8 milhões


Cópia da tese de doutorado de Hawking rendeu R$ 2,8 milhões (Foto: EPA)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Um leilão online de objetos pessoais e coleções do astrofísico britânico Stephen Hawking, morto no último mês de março, arrecadou um total de 1,8 milhão de libras esterlinas (mais de R$ 8,8 milhões). O pregão, organizado pela casa Christies, foi realizado entre os dias 31 de outubro e 8 de novembro.

Entre os objetos arrematados, destaca-se a cadeira de rodas “high-tech” do cientista, que foi vendida por 296 mil libras (R$ 1,4 milhão), que serão destinados ao Instituto Stephen Hawking, que promove o estudo da cosmologia e à Associação de Doenças Neuromotoras.

saiba mais

Amostras de solo da Lua serão leiloadas por até US$ 1 milhão

O objeto que obteve maior valor foi uma cópia da tese de doutorado de Hawking, intitulada “Propriedades de Universos em Expansão”, entregue na Universidade de Cambridge em 1965, quando Hawking tinha 24 anos. O trabalho foi arrematado por 584 mil libras (R$ 2,8 milhões), valor quatro vezes maior que o lance mínimo.

No total, foram vendidos 22 objetos, incluindo escritos originais de Isaac Newton, Charles Darwin e Albert Einstein, que pertenciam a Hawking. O cientista, que morreu aos 76 anos, padecia de esclerose lateral amiotrófica (ELA), doença que o impedia de andar e o obrigo a comunicar-se por um sintetizador de voz.
Leia a notícia completa em Época Leilão de objetos de Stephen Hawking rende R$ 8,8 milhões

O que você pensa sobre isso?