Idoso é preso suspeito de se passar por delegado de polícia, em Curitiba


Na casa do suspeito, foram apreendidos distintivos, camisetas e colete da Polícia Civil; ao ser abordado pelos policiais, homem disse ser delegado há 30 anos. Idoso foi preso suspeito de se passar por delegado de polícia, em Curitiba
Divulgação/Polícia Civil
Um homem de 70 anos foi preso em Curitiba, nesta quarta-feira (26), suspeito de se passar por delegado da Polícia Civil. De acordo com a polícia, o suspeito foi preso em casa, depois de denúncias.
No local, os policiais apreenderam camisetas e coletes de delegado, distintivos de metal de investigador, dois logotipos de couro da polícia civil e um celular novo. O material deve passar por perícia, segundo a polícia.
O idoso deve responder pelos crimes de falsificação de documento particular, uso de documentos falsos e usurpação de função, de acordo com a Polícia Civil.
O delegado Gerson Alves Machado afirmou que, quando os policiais chegaram na casa, o suspeito afirmou ser delegado há 30 anos, dizendo ter sido nomeado em 1987.
Conforme a polícia, o homem conseguiu uma carteira funcional de um investigador de polícia que morreu em 2017. O delegado disse que o suspeito modificou a carteira de investigador para o cargo de delegado.
Na casa do suspeito, em Curitiba, foram apreendidos distintivos, camisetas e colete da Polícia Civil
Divulgação/Polícia Civil
Veja mais notícias da região no G1 Paraná.
Leia a notícia completa em G1 Idoso é preso suspeito de se passar por delegado de polícia, em Curitiba

O que você pensa sobre isso?