Exército inspeciona Batalhão de Bangu para analisar gargalos na operação da PM

RIO – Durante apresentação para os policiais do batalhão, o general Mauro Sinott, comandante do Gabinete de Intervenção Federal (GIF), afirmou que a visita ao 14 BPM, em Bangu, é um marco na intervenção federal na área da Segurança do Rio porque os militares vieram “na ponta da linha” verificar os gargalos existentes no dia a dia dos policiais militares. links intervenção / vistoria batalhão
– Vamos verificar in loco como essas dificuldades estão refletindo na ponta da linha e como elas afetam a capacidade operacional de vocês – disse o general à tropa.

LEIA TAMBÉM:

Enquanto tropa diminui, folha previdenciária da PM aumenta

Draco faz operação contra milícia chefiada por PM

Sede da Intervenção Federal, CICC não inibe episódios de assaltos em seu entorno

Mauro Sinott voltou a afirmar que o objetivo é resgatar a sensação de segurança no Rio, o que, segundo o general, cabe à Polícia Militar:
– A intervenção vai trabalhar dois grandes eixos: identificar gargalos da PM e resolver esses gargalos, basicamente questão de pessoal e logística. Vamos buscar de imediato resgatar essa sensação de segurança, a percepção de segurança. Quem é responsável por essa percepção de segurança é a Polícia Militar. Cito como exemplo o que foi feito na Vila Kennedy, onde buscamos retirar os obstáculos, intensificamos as buscas por meio da Polícia Civil. É um trabalho voltado para a comunidade.

Sinott chegou ao 14° BPM às 8h50 e não falou com a imprensa. A inspeção na unidade, que deve durar até 16h, busca fazer uma análise nas condições do batalhão, como efetivo e problemas estruturais, de acordo com o porta-voz do GIF, coronel Roberto Itamar. A corrupção, segundo ele, ficará com as corregedorias.
– Essa visita tem por objetivo verificar os problemas apontados pelo alto comando da PM e buscar soluções – afirmou o coronel Roberto Itamar. – A questão de eventuais condutas éticas fica por conta das corregedorias.
A ideia é que rotina de visita aos batalhões sejam semanais. Não há, entretanto, informação de qual será a próxima unidade visitada.


Leia a notícia completa em O Globo Exército inspeciona Batalhão de Bangu para analisar gargalos na operação da PM

O que você pensa sobre isso?