Em missão militar, prefeito de cidade norte-americana é morto no Afeganistão


UTAH – O prefeito da cidade de North Ogden, ao norte de Salt Lake City, no estado de Utah, morreu após ser baleado durante uma missão no Afeganistão. Brent Taylor, de 39 anos, além de administrador daquele município norte-americano, era membro da Guarda Nacional de Utah, e não resistiu aos ferimentos depois de ser atacado na capital Cabul, no último sábado.

De acordo com agências internacionais, Taylor foi atingido por disparos efetuados por um dos militares afegãos que integrava o grupo de locais que recebia treinamento dos norte-americanos. Oficial de inteligência militar, o prefeito havia tirado uma licença de um ano do cargo nos Estados Unidos para atuar na missão.

A previsão de seu retorno estaria marcada para janeiro do ano que vem. Além dele, outro militar ficou ferido na ação. A identificação deste, porém, ainda não foi divulgada. mundo_511

Conforme informou a agência Associated Press, o major-general Jefferson S. Burton, que também integra a Guarna Nacional de Utah, disse que a missão de Taylor era ajudar a fortalecer e treinar o exército nacional afegão.

— Ele estava ajudando e treinando pessoas. É o mais doloroso nisso. É amargo. Acredito que o Major Taylor sentiu que estivesse estava entre amigos, com pessoas com quem estava trabalhando — disse Burton.

A missão que Taylor fez parte é liderada pela Otan. Ele deixa mulher e sete filhos. Ele foi para o Afeganistão no começo deste ano, segundo a Reuters. Esta era a sua quarta missão: uma realizada no mesmo país e outras duas no Iraque.

Em janeiro deste ano, Taylor havia dito à imprensa que tinha sido designado para servir numa equipe consultiva que treinava o pessoal de um batalhão de comando afegão.

Por meio das redes sociais, o governador de Utah, Gary Hebert, lamentou o episódio: “Estou com o coração partido com a perda do Major Brent Taylor. Nossas mais profundas condolências a orações estão com sua esposa, Jennie, seus filhos e toda a família. Todos de Utah estão de luto com vocês”, escreveu ele.

tweet_governador_Utah

Conforme ressaltou a Reuters, este foi o mais recente ataque de uma série de casos de natureza similar, em que membros das forças afegãs atacaram assessores dos EUA ou membros da coalizão, neste ano.


Leia a notícia completa em O Globo Em missão militar, prefeito de cidade norte-americana é morto no Afeganistão

O que você pensa sobre isso?