Em 70 dias, Trump gastou mais com viagens do que Obama em dois anos

66246892_President Donald Trump gives a thumbs-up as he walks across the South Lawn of the White.jpgWASHINGTON — Em 70 dias, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, gastou mais em viagens do que seu antecessor, Barack Obama, em dois primeiros anos de governo. Durante sua campanha presidencial, o magnata fez discursos a favor de cortes nos gastos públicos e prometeu doar todo seu salário. Porém, agora que chegou ao poder, Trump vem sendo criticado pelos gastos em passeios nos finais de semana, a permanência de Melania em Nova York e os custos de segurança de viagens de seus filhos mais velhos para outros países. GastosTrump

Trump não consegue passar mais de dois fins de semana sem ir à sua propriedade na Flórida. Cada viagem do presidente à sua residência de campo em Mar-a-Lago, em Palm Beach, custa US$ 3 milhões aos cofres americanos. A estimativa inclui o transporte do governante e de sua equipe de segurança. No total, as sete viagens somam US$ 21 milhões em gastos públicos.

O presidente recebeu chefes de governo em Mar-a-Lago, como o primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, e o presidente chinês, Xi Jinping. Porém Obama, que também recebeu os dois, realizou os encontros na Casa Branca, sem maiores custos ao bolso dos contribuintes. O antecessor de Trump, em seus oito anos de governo, gastou US$ 97 milhões em viagens, média de US$12 milhões ao ano.

Se o atual presidente dos EUA mantiver seu hábito de passar os fins de semana frequentando seu campo de golfe e na praia, a fatura de um mandato de quatro anos poderá chegar até US$ 438 milhões, segundo projeção do jornal espanhol “El País”, baseada nos gastos já realizados em 70 dias. Em comparação, os cortes de Orçamento que vão afetar diversos departamentos e agências do governo, principalmente aquelas relativas a cultura e meio ambiente, são de US$ 597 milhões.

Além disso, os custos de segurança da primeira-dama Melania e de seu filho, Barron, em Nova York, ficam entre US$127 mil e US$146 mil por dia, segundo a polícia local. Quase 100 mil pessoas já assinaram uma petição pressionando a mulher de Trump a mudar-se para Washington, ou pelo menos arcar com as despesas de sua permanência na Trump Tower.

Como em outros casos, Trump mudou sua opinião sobre o assunto. Antes de ser presidente, o magnata criticou Obama diversas vezes na sua conta pessoal do Twitter justamente por viagens e jogos do golfe com o dinheiro público. Agora, Trump faz o mesmo, ou pior, sem problemas.

“As férias do presidente Barack Obama estão custando milhões de dólares aos contribuintes. Inacreditável!” disse o atual presidente dos EUA, no Twitter, em 2012. Tweet Trump2

Dois anos depois, ele criticou Obama por jogar golfe:

“Você acredita que, com todos os problemas e dificuldades que os EUA enfrentam, o presidente Obama passou o dia jogando golfe? Pior do que [o ex-presidente Jimmy] Carter!”

Tweet Trump

Fonte: O Globo

O que você pensa sobre isso?