Delegado que morreu em acidente na BR-153 é velado em Palmas


Alexandre Vasconcelos trabalhava em Araguaína e estava indo para Brasília tomar posse em outro concurso. Família mora em Alagoas e corpo deve ser levado para lá na sexta-feira (28). O corpo do delegado Alexandre Vasconcelos, que morreu em um acidente na BR-153 na manhã desta quinta-feira (27), está sendo velado na sede do Sindicato dos Delegados da Polícia Civil em Palmas. A cerimônia vai durar toda a madrugada e durante a manhã ele será levado para a cidade onde a família mora, em Alagoas.
Vasconcelos, que tinha 30 anos, estava indo com a família para Brasília, onde ele tomaria posse no cargo de delegado de Polícia Civil no Distrito Federal. O carro capotou entre as cidades de Miranorte e Barrolândia. A suspeita é que ele tenha perdido o controle do veículo ao tentar fazer uma ultrapassagem.
Delegado estava a caminho de Brasília para tomar posse em um concurso
Arquivo Pessoal
O filho e a mulher do delegado ficaram feridos no acidente. A criança precisou passar por cirurgia e segue internada. A mulher, Bruna Gama, recebeu alta, mas continua no hospital acompanhando o filho.
Em Araguaína, Alexandre atuou na 4º Distrito de Polícia Civil. Ele ainda não tinha pedido exoneração do cargo na Polícia Civil do Tocantins.
Na quarta-feira (26), colegas de trabalho fizeram uma festa de despedida para ele. Fotos foram postadas nas redes sociais de delegados e colegas de Vasconcelos. “Despedida de um excelente profissional que irá servir o Distrito Federal como delegado de polícia […] Um grande abraço, Dr. Alexandre Vasconcelos”, comentou o delegado regional de Araguaína, Bruno Boaventura.
Acidente aconteceu na BR-153, na região central do estado
PRF/Divulgação
Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.
Leia a notícia completa em G1 Delegado que morreu em acidente na BR-153 é velado em Palmas

O que você pensa sobre isso?