Com seca de 105 dias, Iracemápolis pede que população reduza consumo de água para evitar racionamento

Prefeitura diz que situação será reavaliada no início de agosto e, se não houver melhora, vai aplicar a racionalização. A Prefeitura de Iracemápolis (SP) informou nesta quinta-feira (12) que vai pedir à população que reduza o consumo de água para evitar o racionamento. A cidade, segundo a administração pública, está há 105 dias sem chuva satisfatória, o que derrubou o nível da represa Iracema. A expectativa é que, com a redução do gasto, o município aguente mais 120 dias.
De acordo com o diretor do departamento de água e esgoto, Nivaldo Conti, a cidade consome 8 mil metros cúbicos de água por dia. Se houver redução para menos que 7 mil m³ por dia, o estoque das represas será suficiente para manter o abastecimento para os próximos quatro meses sem que haja chuva.
“Uma nova avaliação será feita na primeira semana de agosto. Não melhorando a situação, terá que ser aplicado o racionamento”, informou, por nota, a prefeitura.
Represa Iracema perdeu 70% do volume de água em Iracemápolis
César Cocco/EPTV
Represas interligadas
Atualmente, a cidade capta água da Represa Municipal, que está com a capacidade normalizada. No entanto, a Represa Iracema, que abastece a municipal, teve redução de 70% do volume, o que preocupa Conti. Sem água da Iracema, a Represa Municipal perde a principal fonte.
Não há captação direta da Represa Iracema, mas ela envia água para a Municipal. A prefeitura, no entanto, possui outorga para explorar mais uma represa, a Boa Vista. Conti afirma que a administração municipal realiza “ajustes” para retomar a utilização do manancial e não deu prazo para que isso volte a ocorrer.
Por nota, a prefeitura informou que todas as repartições públicas foram notificadas para que não haja gasto excessivo de água.
“Até o fim de julho não haverá racionamento, mas é preciso que o consumo de água diminua. Por isso, é solicitado a conscientização de todos, evitando lavar calçadas e reduzindo o tempo no banho, entre outras medidas de economia”, afirma a prefeitura.
Veja mais notícias da região no G1 Piracicaba
Leia a notícia completa em G1 Com seca de 105 dias, Iracemápolis pede que população reduza consumo de água para evitar racionamento

O que você pensa sobre isso?