Cada deputado do PMDB terá R$ 1,5 milhão para concorrer, diz Jucá

75096034_BSB - Brasília - Brasil - 21-02-2018 - PA - O senador Romero Jucá PMDB-RR Líder do gov.jpg

BRASÍLIA — O senador Romero Jucá (PMDB-RR), presidente do PMDB, anunciou nesta quarta-feira a distribuição dos recursos do fundo eleitoral aos deputados federais e senadores do partido que irão disputar a reeleição neste ano.

A divisão foi decidida numa reunião da bancada de legenda no Congresso — que reconduziu Juca à presidência da sigla.

No encontro, os integrantes do partido definiram que cada deputado receberá R$ 1,5 milhão, enquanto os senadores irão ganhar R$ 2 milhões. O senador ressaltou que estão nesse grupo apenas os parlamentares que já têm mandato, e não qualquer candidato.

— Discutimos que do fundo eleitoral os deputados federais receberão R$ 1,5 milhão e senadores candidatos ao Senado receberão R$ 2 milhões — explicou Jucá.

Atualmente, o PMDB tem 59 deputados e 14 senadores cujos mandatos terminam neste ano (outros seis senadores tem mandato garantido até 2022).

Caso todos esses parlamentares tentem a reeleição, o partido gastaria R$ 116 milhões. O valor que cada partido receberá ainda não foi definido, mas a estimativa é que o PMDB tenha R$ 222 milhões para utilizar na eleição.

Jucá disse ainda que os valores a serem destinados para os outros candidatos — governo estadual e, eventualmente, presidência — serão definidos só depois de o tamanho do fundo eleitoral ser definido. Além disso, adiantou que o quadro de candidatos que vão pleitear vagas pela sigla ainda não está formado.

— Não definimos os valores para as candidaturas majoritárias porque não sabemos nem o tamanho do fundo, nem quantos candidatos temos. Se a gente não sabe ainda se tem candidatura à presidente e se tem candidatura à governo, a gente não tem majoritária. — detalhou.

Segundo o senador, uma candidatura do presidente Michel Temer é possível, mas depende da vontade dele:

— Temer é uma opção do PMDB se ele assim o entender. O partido defende candidatura própria. Agora, se será ou não Temer, o tempo e a própria decisão dele que vão definir.

DIVISÃO CAUSA POLÊMICA

A divisão do fundo eleitoral tem causado polêmica entre os partidos. Nesta quarta-feira, deputados do PSDB se reuniram com o presidente do partido e pré-candidato à presidência, Geraldo Alckmin, e se decepcionaram porque não gouve uma definição sobre quanto cada candidato terá.

Os deputados querem que seja estabelecida uma cota de cerca de R$ 1,5 milhão, mas dirigentes do partido acham difícil chegar a esse valor, e falam em R$ 500 mil para cada.

Além disso, dirigentes dos grandes partidos acusam as legendas médias de fazerem um “leilão” com o dinheiro do fundo para atrair deputados com dificuldades de financiar suas campanhas, usando a janela partidária de março, quando são permitidas trocas entre siglas.

Lideranças de legendas maiores reclamam que esses partidos estariam assegurando R$ 2,5 milhões para campanhas dos próprios deputados. Além disso, tentariam atrair outros parlamentares.


Leia a notícia completa em O Globo Cada deputado do PMDB terá R$ 1,5 milhão para concorrer, diz Jucá

Flamengo passeia sobre o Madureira na estreia da Taça Rio

Com tranquilidade, o Flamengo estreou com vitória na Taça Rio ao superar o Madureira, por 4 a 0, nesta quarta-feira, no Estádio Nilton Santos. O rubro-negro teve uma atuação sólida, sem sofrer sustos e conseguiu construir o placar com facilidade. Na próxima rodada, o Flamengo enfrenta o Fluminense, em Cuiabá. O jogo será no sábado, às 17h.

Em bela cobrança de falta, Diego abriu o placar, aos 17 minutos do primeiro tempo.

– Peguei bem, realmente foi um gol muito bonito – comentou o camisa 10.

Diante de um Madureira perdido, Lucas Paquetá, mais uma vez um dos destaques da equipe, fez o segundo gol. Aos 34 da etapa inicial, ele aproveitou a bobeira defensiva do Tricolor Suburbano, já que Renan demorou a sair e deixou o flamenguista em posição legal. O detalhe do gol foi o ótimo passe de Jonas, utilizado pelo técnico Paulo César Carpegiani já pensando na estreia do Fla na Libertadores, na próxima quarta-feira, contra o River Plate.

No segundo tempo, a vida continuou tranquila para o Fla. Marcelo de Lima Henrique viu pênalti de Rezende em Éverton Ribeiro. Foi a chance que Henrique Ceifador precisou para marcar o primeiro gol em cobrança de penalidade pelo novo clube. E ele não decepcionou, fazendo o terceiro.

Coube a Vinicius Júnior coroar a vitória do Flamengo, aproveitando rebote do goleiro: 4 a 0.

A partida serviu também para que Diego Alves voltasse ao gol do Flamengo. Ele estava sem jogar desde novembro, quando fraturou a clavícula, e está sendo preparado para a Libertadores. Como o Madureira pouco incomodou, Diego nem chegou a ser tão testado.


Leia a notícia completa em O Globo Flamengo passeia sobre o Madureira na estreia da Taça Rio

Projeto que libera posse de armas ainda divide partidos na Câmara

rodrigo-maia (1).jpg

BRASÍLIA — O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), já avisou aos líderes dos partidos que irá apresentar na próxima semana os projetos na área de segurança que pretende levar a plenário para votação. O mais polêmico, que flexibiliza o estatuto do desarmamento e permite a compra e posse de armas ao cidadão comum, ainda divide opiniões entre os deputados. O PT e o PSOL já disseram ser radicalmente contra qualquer flexibilização do estatuto do desarmamento.No PSDB, o líder, Nilson Leitão (MT), dia que a posse deve ser liberada, desde que cumpridos alguns critérios. É exatamente isso que deve constar no relatório do deputado Alberto Fraga (DEM-DF). Mas entre os tucanos, há quem seja totalmente contra qualquer liberação de armas.

— Tem o lado mais ideológico de alguns, que acham que não deve liberar de jeito nenhum. Mas o Parlamento tem que levar em conta o que a população pensa. E a população quer ter o direito de comprar armas. Eu sou a favor, desde que obedecidos alguns critérios. Não acredito que liberar geral seja bom. Pode-se pensar em aumentar os critérios ou de repente liberar para alguns setores expostos a maior periculosidade — disse Nilson Leitão acrescentando que considera um erro a Câmara ter barrado, no ano passado, o porte aos guardas de trânsito.

Intervenção – 21/02

Outro partido cujo líder defende a liberação é o PTB. O deputado Jovair Arantes (GO) ressalva que ainda não ouviu a bancada sobre o tema, mas dá a sua posição em prol da permissão para que o cidadão que queira, possa ter armamentos.

— Voto a favor. Um país que desarmar o cidadão e arma os bandidos não está certo. Nos Estados Unidos, que são uma referência para nós, tem muita lambança. Mas lá o cara passa ultrapassando a cerca de uma propriedade, e leva um alerta. Se ele teimar e passar de novo, leva bala. Não tenho, nem nunca vou ter arma. Mas voto a favor — disse.

Com opinião diametralmente oposta, o líder do PT, deputado Paulo Pimenta (RS) critica Maia por querer pautar esse projeto, e avisa que toda a bancada votará contra.

— O fato de o Rodrigo Maia ter decidido pautar essa matéria revela que ele não entende nada de segurança pública. Não existe nenhuma experiência no mundo em que medidas dessa natureza tenham reduzido a criminalidade. Qualquer pessoa minimamente informada sabe que o número elevado de mortes violentas ocorre em brigas de família, crimes passionais — diz.

Além desse projeto, Maia deve colocar no pacote de segurança pública um projeto que está sendo elaborado pelo ministro do Supremo Tribunal Federal Alexandre de Moraes para aumentar o controle do tráfico de drogas e armas, o projeto que cria o sistema único de segurança pública (SUSP) e o que trata da reforma da lei de execuções penais.


Leia a notícia completa em O Globo Projeto que libera posse de armas ainda divide partidos na Câmara

MP vai à Justiça contra tenista Novak Djokovic e ex-jogador Petkovic

60249916_Serbia%27s Novak Djokovic attends a training session at the Olympic Tennis Centre in Rio.jpgRIO — O Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) entrou com um ação civil pública contra o tenista sérvio Novak Djokovic, o ex-jogador de futebol Dejan Petkovic, a ex-secretária estadual de Esporte, Márcia Beatriz Izidoro e a sub secretária, e o Estado do Rio por atos de improbidade administrativa. Segundo o MP, elementos colhidos no inquérito civil apontam irregularidades em medidas que viabilizaram a visita de Djokovic ao Rio, em 2012. A ação busca a recuperar R$2.744.385,32 aos cofres públicos. djokovic – 05.05

Duas empresas contratadas que intermediaram a negociação: a Deki 10 Eventos e Ensino (e seus sócios, o jogador de futebol Dejan Petkovic e Denise Pinto Leporaci) e o Grupo Adma Eventos – Eirelli (com o sócio Marcelo Ferreira Alves, atual presidente da Empresa de Turismo do Município do Rio de Janeiro – Riotur) também são alvos da ação.

Segundo o MP, o Estado do Rio viabilizou a presença do atleta por meio de dois contratos assinados com as empresas. O primeiro deles previa a participação do tenista sérvio – mesma nacionalidade de Petkovic – no evento ‘Djokovic no Rio’, que englobava o jogo entre o atleta internacional e o tenista brasileiro Gustavo Kuerten, o Guga. O contrato previa ainda a participação de Djokovic no jogo ‘Amigos do Pet’ e visita do mesmo à Rocinha para inauguração da primeira quadra pública de Saibro. O segundo contrato assinado com as empresas tratava da implementação da Escolinha de Tênis Djokovic, também na comunidade da Zona Sul carioca.

De acordo com a ação, distribuída para a 9ª Vara de Fazenda Pública, a contratação das empresas se deu por meio de uma dispensa irregular de licitação, e que ambas agiram como intermediárias em procedimento que poderia ter sido feito diretamente pelo Estado, evitando maior prejuízo ao poder público. A Deki 10 se beneficiou da presença do tenista no ‘Djokovic no Rio’ para garantir ainda sua contratação ao custo de R$1.511.388,40 para a implementação da Escolinha de Tênis, que daria aulas da modalidade a alunos da Rocinha ao longo de um ano.

Segundo o MP, o procedimento era passível de licitação e poderia ter sido prestado por organizações não-governamentais, visto que não se enquadrava como atividade de notória especialização. Além disso, a ACP afirma que ambas contratações foram realizadas sem levar em conta vários pareceres desfavoráveis dos sistemas de controle interno do próprio governo do Estado do Rio que apontaram, além do alto custo financeiro envolvido, vícios nos processos administrativos que suportaram os contratos firmados.


Leia a notícia completa em O Globo MP vai à Justiça contra tenista Novak Djokovic e ex-jogador Petkovic

Maia diz que governo abandonou pauta de organizar despesas

INFOCHPDPICT000075031607

BRASÍLIA — O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), voltou a cutucar o governo sobre a interferência na pauta do Congresso, ao elencar 15 medidas econômicas que já tramitam no Parlamento. Segundo o parlamentar, quem saiu da pauta de reorganizar as contas públicas foi o governo, mas ele continua debatendo esse tema.

Maia citou que deve votar a reoneração da folha de pagamento na próxima semana. E sobre os itens listados pelo governo, disse que o cadastro positivo e a duplicata eletrônica estão mais avançados para serem votados.

— Eu estou no meu ponteiro, na minha pauta, que é minha. Eles quiseram introduzir a deles aqui, a deles fica lá. Tem toda uma outra agenda de redução de despesas que a gente precisa discutir. Vamos continuar os debates com os governadores. Eu não saí da minha agenda de reorganizar as despesas, quem saiu foi o governo ontem. Eu continuo na minha linha, estudando, com calma. Só vou apresentar as propostas quando eu tiver isso bem debatido para que a gente possa ajudar a reorganizar as contas públicas para o próximo ano — disse Maia.

Ele apontou que no ano que vem o governo não conseguirá cumprir a regra de ouro nem o teto de gastos, restando então apenas uma única alternativa, que é resolver a questão orçamentária com a edição de crédito suplementar:

— O governo não vai conseguir cumprir nem a regra de ouro, nem o teto de gastos. Como não poderemos mexer na regra de ouro porque é PEC, isso é bom, vamos ter que gerar as condições para isso resolver. Se não tiver como resolver no curto prazo vai se resolver com crédito suplementar. O que sobrou vai ser essa alternativa.


Leia a notícia completa em O Globo Maia diz que governo abandonou pauta de organizar despesas

Em duelo de brasileiros, os do Shakthar saem na frente em Cracóvia

SOCCER-CHAMPIONS-SHK-ROM_ (2) Cracóvia, Polônia O Shakthar Donetsk, com sua legião de brasileiros, mostrou força ontem em Cracóvia, vencendo de virada por 2 a 1 a Roma, na partida de ida das oitavas de final da Liga dos Campeões. O estádio Metalist de Cracóvia, onde o campeão ucraniano sedia seus jogos desde o ano passado devido a um conflito armado no país, está a 250 km de Donetsk, mas é como se o Shakhtar estivesse em casa.

Depois de desperdiçar algumas oportunidades, a Roma abriu o placar com o turco Under, de 20 anos, aproveitando ótimo passe de Dzeko, aos 41 minutos da fase inicial. Foi seu quinto gol em quatro jogos pelo clube italiano.

Famoso pelo ímpeto ofensivo, o time do técnico Paulo Fonseca e seu ataque brasileiro formado por Bernard, Taison, Fred e Marlos mantiveram o estilo de jogo ontem. O argentino Ferreyra empatou a partida após driblar Konstantinos Manolas aos 7 minutos do segundo tempo, e o volante Fred garantiu a vitória numa espetacular cobrança de falta, aos 26. De fato, eram necessárias duas pinturas para conseguir passar pelo goleiro da seleção brasileira Alisson, que, em dia inspirado, fez defesas impressionantes, tornando-se o responsável pela Roma não ter sido goleado ontem.

O jogo de volta será em 13 de março, no Estádio Olímpico de Roma, com o time ucraniano tendo a vantagem do empate.

Em outro jogo das oitavas, o Sevilla parou em De Gea: o goleiro espanhol permitiu ao Manchester United segurar um valioso empate sem gol na capital da Andaluzia e tentar avançar no Old Trafford, também em 13 de março, às quartas de final pela primeira vez desde 2014. Já o Sevilla não alcança esta fase do torneio desde 1958.

Dominado em campo e sem criatividade, o Manchester United só não perdeu por causa de De Gea, autor de defesas decisivas em finalizações perigosas de Muriel, N’Zonzi e Corre.


Leia a notícia completa em O Globo Em duelo de brasileiros, os do Shakthar saem na frente em Cracóvia

PM é preso por ameaça e furto de R$128 mil de caixa eletrônico

70653845_RI Rio de Janeiro RJ 20-07-2017 - Delegacia de Duque de Caxias a 59DP foi atacada a tir.jpgRIO — Policiais da 59ª DP (Duque de Caxias) prenderam, na terça-feira, o policial militar Thiago Monteiro Robaina, de 34 anos, por ameaça e furto qualificado. Segundo a delegada titular, Raíssa Celles, o PM teria ameaçado um comerciante para que ele facilitasse o furto a um caixa eletrônico de um supermercado, em Caxias, na Baixada Fluminense, em dezembro de 2017. O local foi invadido um mês após as ameaças, de onde foram retirados R$ 128 mil. Intervenção – 21/02

Segundo Raíssa, a ausência de sinais de arrombamento no supermercado, ocorrido no dia 7 de dezembro de 2017, no interior do mercado Três Irmãos, em Caxias, despertou a atenção dos agentes.

Durante as investigações, o proprietário do estabelecimento comercial confessou ter sido procurado, dois meses antes, pelo policial militar Thiago, conhecido por “Topete”, que o solicitou que facilitasse a sua entrada no mercado.

Mesmo tendo rejeitado a proposta, o proprietário sofreu novo assédio do policial militar, que o ameaçou caso não entregasse as chaves do estabelecimento comercial para que pudesse confeccionar cópias.

COMBATE À CORRUPÇÃO POLICIAL SERÁ PRIORIDADE DA INTERVENÇÃO

“Não podemos fazer intervenção só do lado de fora, nas ruas; precisamos intervir também dentro das polícias”. A frase foi dita no sábado por uma das autoridades federais que participaram de uma reunião no Palácio Guanabara sobre a missão que as Forças Armadas terão no Rio. Segundo ela, durante o encontro, o presidente Michel Temer e o novo responsável pela segurança do estado, general Walter Braga Netto, deixaram claro que o combate à corrupção se tornou uma prioridade, algo tão importante quanto a presença ostensiva do Exército em áreas conflagradas.

Passada a reunião, autoridades se preparam para tentar aplicar o que é considerada a parte mais difícil da intervenção federal na segurança pública do Rio, decretada por Temer na sexta-feira: um modelo de ação que permita a realização do que chamam de “limpeza” nas polícias Militar e Civil do estado. Existe a possibilidade de o presidente assinar um decreto suplementar nos próximos dias, detalhando o poder de atuação de Braga Netto. Isso é uma reivindicação de oficiais, que querem garantir carta branca para o general tomar todas as decisões que julgar necessárias.


Leia a notícia completa em O Globo PM é preso por ameaça e furto de R8 mil de caixa eletrônico

Dua Lipa e Stormzy se destacam no Brit Awards 2018

LONDRES — A cantora e compositora Dua Lipa ganhou dois dos mais importantes prêmios no Brit Awards 2018, na noite desta quinta-feira. Logo na abertura da cerimônia, a jovem de 22 anos venceu o troféu de artista solo feminina britânica e, no fim, garantiu também o de revelação.

Ela fez um discurso baseado no empoderamento feminino ao aceitar o segundo prêmio: “Estou aqui por mais mulheres nesses palcos, mais mulheres nesses prêmios, mais mulheres dominando o mundo”.

Um dos grandes nomes do grime (uma vertente britânica do hip hop), o rapper Stormzy foi outro destaque da noite, levando os troféus de artista solo masculino britânico e álbum britânico do ano por “Gang signs & prayer”.

As premiações para Stormzy e Dua Lipa, dois dos novos artistas britânicos de maior reconhecimento internacional, mostraram que, diferentemente de outros anos, o Brit Awards optou por premiar artistas que realmente mereceram tais troféus, e não aqueles que foram comercialmente bem-sucedidos.75119989_Stormzy performs at the Brit Awards 2018 in London Wednesday Feb 21 2018. Photo by Joel C R.jpg

Com o hit “Human”, Rag’n’Bone Man foi premiado como melhor single britânico, e Kendrick Lamar foi eleito o artista solo masculino internacional. O Gorillaz venceu como melhor banda britânica — enquanto o Foo Fighters saiu como melhor banda internacional por seu nono disco, “Concrete and gold”.

A cantora e compositora Lorde não esteve presente na cerimônia por compromissos de ensaio da sua turnê, mas venceu como artista solo feminina internacional.

Entre as performances da noite, destaque para Dua Lipa, Rita Ora, Kendrick Lamar, Liam Gallagher (que homenageou as vítimas do atentado de Manchester com uma versão de “Live forever”) e Justin Timberlake, que contou com participação surpresa do astro country Chris Stapleton.


Leia a notícia completa em O Globo Dua Lipa e Stormzy se destacam no Brit Awards 2018

Se você ainda não viu: A versão de Temer para a intervenção

RIO — Boa noite. A intervenção continua dominando a pauta do dia. Temer teve de se explicar, após seu marqueteiro afirmar a Bernardo Mello Franco que a operação federal no Rio renderia excelentes frutos eleitorais ao presidente que “já é candidato“. Haverá varreduras nos presídios fluminenses com presença e equipamentos do Exército. A Força gastará R$ 50 milhões a mais do que estava previsto para o estado após o decreto, revela Míriam Leitão. E, na vida prática, confira a nova calculadora do INSS para saber quando você irá se aposentar.

Boa leitura.

Explicações públicas

naom_5a87777bd48ac.jpgTemer desautoriza marqueteiro e diz que intervenção no Rio não é eleitoreira. Em entrevista ao colunista Bernardo Mello Franco, Elsinho Mouco relatou que o presidente colocou todas as fichas na operação e “já é candidato“.

Artigo

Alexandre Freeland provoca: se Elsinho põe fé no “vampiro”, adivinhe quem entra com o sangue.

Planejamento

Intervenção sem plano de longo prazo não melhora segurança, diz o ministro do STF Alexandre de Moraes.

Verbas

75054194_RI - Rio de Janeiro RJ - 20-02-2018 - INTERVENCAO FEDERAL NA AREA DA SEGURANCA PUBLICA DO.jpgRodrigo Maia diz que Temer cogitou criar imposto para segurança para intervenção. Saiba o que Exército pode e não fazer na operação.

Pente fino

Após operação em Japeri, Exército fará varreduras em outros presídios do Rio.

Míriam Leitão

União estima gastar R$ 650 milhões com a intervenção, ou R$ 50 milhões a mais do que previra para operações no Rio neste ano.

Surreal

Chineses_Madureira (2).jpgVigilância Sanitária fecha lanchonete que usava ração de cachorro para rechear salgados no Rio.

Diante de Moro

Escrevente diz que fez documento de venda de sítio de Atibaia para o nome do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Entenda o que isso significa.

Tema onipresente

Por que o Brasil caiu no ranking global de combate à corrupção? Pesquisador da FGV Direito Rio explica novo resultado negativo para o país.

A lei e suas exceções

14285324_IPAD Rio de Janeiro RJ 21-11-2013 Especial sobre a situação das mulheres detentas no sistem.jpgDecisão do STF não beneficia todas as presas grávidas ou com filhos: entenda quais são as exceções.

Desconectados

Até 2016, Brasil tinha mais de 21 milhões de lares sem internet, segundo pesquisa do IBGE, que mostra ainda o que o brasileiro mais faz na web.

Impacto

Proposta de autonomia do Banco Central com mandato duplo surpreende equipe econômica. Entenda.

Aposentadoria

Nova calculadora do INSS simula automaticamente quanto tempo falta para o trabalhador se aposentar. Faça seus cálculos.

Temor na Nigéria

O desaparecimento de cerca de cem meninas na Nigéria após um ataque do grupo terrorista Boko Haram levou ao temor de que tenham sido sequestradas.

Mobilização

Com movimento dos sobreviventes do massacre em escola da Flórida, conservadores se mobilizam contra controle de armas.

Fora da eleição

Oposição venezuelana confirma decisão de ficar fora da eleição presidencial e lança Frente Nacional Ampla.

Não é só o fígado

Abuso do álcool aumenta o risco de desenvolvimento da demência.

Vaidade

Na Califórnia, uma lei permitia que estrelas de Hollywood censurarem suas idades em sites como o imdb. Não pode mais.

Resultado histórico

Brasileira Isadora Williams se torna a primeira patinadora sul-americana a ir às finais da Olimpíada de Inverno.

Goleada

Com um jogador a mais, Fluminense goleia o Bangu em Moça Bonita.

Cenário de cinema

“Pantera Negra” teve cenas filmadas nas Cataratas do Iguaçu.


Leia a notícia completa em O Globo Se você ainda não viu: A versão de Temer para a intervenção

Lula diz que recebe cartas de companheiras que ‘querem cuidar’ dele

75083862_The former president of Brazil Luiz Inacio Lula da Silva shares a laugh with members of the.jpgRIO — O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse, nesta sexta-feira, que recebe cartas de mulheres interessadas em “cuidar” dele. Lula está viúvo há um ano, quando a ex-primeira-dama Marisa Letícia teve confirmada a morte em decorrência de um Acidente Vascular Cerebral (AVC). Nesta sexta, o ex-presidente contou, nas redes sociais, que responde as correspondências: “educadamente”.

A informação de que Lula recebia as cartas foi publicada pela revista Época no início do mês. Em média, cinco correspondências chegam por dia ao ex-presidente.

Lula diz que recebe cartas de amor

“O meu relacionamento é só político. Eu tenho 72 anos e a minha prioridade é cuidar da minha saúde. Tenho recebido cartas de companheiras que querem cuidar de mim. Respondo educadamente”, escreveu Lula no Twitter.

O ex-presidente costuma citar Marisa Letícia em suas publicações na rede social. No dia 3 de fevereiro, quando competou um ano da morte da ex-primeira-dama, Lula homenageou a companheira. Ele escreveu que “se tiver céu a Marisa tá lá”.


Leia a notícia completa em O Globo Lula diz que recebe cartas de companheiras que ‘querem cuidar’ dele