Iraque fará operação contra jihadistas na fronteira com Arábia Saudita

O Iraque anunciou neste sábado (3) o lançamento de uma ofensiva militar para eliminar os jihadistas remanescentes do grupo Estado Islâmico (EI) de uma região desértica e na fronteiriça com a Arábia Saudita, no oeste do país. A informação é da Agência EFE.

Em comunicado, o porta-voz das do Exército do Iraque, o general Yahya Rasool, informou que a ofensiva terá participarão de integrantes da Unidade de Operações de Al-Anbar, guardas da fronteira e grupos tribais, que contarão com a cobertura aérea do Exército e da coalizão internacional, comandada pelos Estados Unidos.

“O objetivo da campanha é investigar e pentear o deserto ocidental até a fronteira saudita em busca dos esconderijos e células adormecidas do EI ou o que restou deles após o fim dos combates”, disse o militar. 

O responsável do Comando das Operações Conjuntas em Al-Anbar, o general Mahmoud al-Falahi, disse em coletiva de imprensa que “membros do EI fugiram das cidades libertadas no oeste do Iraque para o grande deserto de Al-Anbar”, e que a missão é para “destruir” os esconderijos.

Em 9 de dezembro, o primeiro-ministro do Iraque, Haider Al-Abadi, anunciou que o Exército tinha retomado o controle da fronteira com a Síria, o último reduto dos terroristas no país, que estavam no território desde 2014.

*É proibida a reprodução total ou parcial desse material. Direitos Reservados.


Leia a notícia completa em EBC Iraque fará operação contra jihadistas na fronteira com Arábia Saudita