Capacitação prepara professores da rede municipal para trabalhar o trânsito nas salas de aula

O objetivo é capacitar os educadores com noções básicas de educação para o trânsito, fazendo deles multiplicadores. Capacitação de professores da rede municipal sobre a temática trânsito, em Santarém
Marilha Maia/G1
Como parte da programação da campanha ‘Maio Amarelo’, desenvolvidas no município de Santarém, oeste do Pará, nesta terça-feira (29), ocorreu uma capacitação para profissionais da educação da rede municipal de ensino, na Escola de Artes Emir Bemerguy, com a temática “O que é trânsito”, promovida pela Divisão de Educação para o Trânsito no município.
O objetivo é capacitar os educadores com noções básicas de educação para o trânsito, fazendo deles multiplicadores do conhecimento adquirido na formação para que, a partir daí, possam desenvolver atividades e projetos com os alunos em sala de aula sobre a temática.
O educador de trânsito ministrante da formação, Marcelo Santos, falou ao G1 que, é importante trabalhar a questão do trânsito também na base da educação, levando às escolas o conhecimento necessário para tornar os professores multiplicadores.
“Nas nossas visitas às escolas, vimos as crianças assimilam o conhecimento com mais facilidade as orientações, a partir disso eles se tornam fiscalizadores dos próprios pais”, ressaltou.
Uma das participantes da capacitação, a pedagoga da Escola Frei Fabiano Merz, Aldenete Ferreira, falou da importância de trabalhar questões do trânsito na escola. “É um trabalho de interdisciplinaridade, o nosso público na escola é de 1º a 5º ano, e já percebemos o reflexo das ações trabalhadas com eles na escola”, disse.
Pedagoga da Escola Municipal Frei Fabiano Merz, Aldenete Ferreira.
Marilha Maia/G1
A professora de educação infantil, Ana Paula Costa, da Escola Santo André, disse que a formação é importante, principalmente para quem trabalha com crianças. “Nós educadores temos um contato direto com elas e com seus pais. Vejo como fundamental adquirir esse conhecimento para compartilhar em sala de aula”, explicou a professora.
Professora de educação infantil, Ana Paula Costa, da Escola Santo André
Marilha Maia/G1
A professora contou que há dois anos sua filha sofreu um acidente. “A condutora de um veículo invadiu a preferencial e bateu a motocicleta onde estavam a minha filha e o cunhado. Ele acabou falecendo e, a minha filha sofre as consequências psicológicas até hoje”, relatou ela, emocionada.
Ana Paula Costa disse que, durante a formação realizada nesta terça-feira (29), relembrou o acidente, e ressaltou que, se a condutora seguisse algumas regras básicas no trânsito, teria evitado o ocorrido. Segundo a professora, a motorista falava ao celular na hora do acidente.
Durante a capacitação serão distribuídas cartilhas com orientações sobre mobilidade, trânsito, pedestre, passageiro, condutor, além de atitudes que podem ajudar no trânsito mais seguro, conscientização para a diminuição de acidentes nas vias e uso de equipamentos de segurança.
Leia a notícia completa em G1 Capacitação prepara professores da rede municipal para trabalhar o trânsito nas salas de aula

O que você pensa sobre isso?