Bolsonaro embarca para Brasília em avião da FAB; transição e encontro com Temer estão na agenda


RIO – O presidente eleito Jair Bolsonaro embarcou às 6h55 para Brasília desta terça-feira, onde é esperado em sessão solene no Congresso para comemorar os 30 anos da Constituição Federal. Ele já está a caminho da capital federal em um avião da Força Aérea Brasileira. A viagem de Bolsonaro, a primeira ao Distrito Federal após as eleições, tem como principal objetivo cuidar da transição de governo. Ele deve se reunir com Michel Temer e com o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, nesta quarta-feira.

Com Bolsonaro, viajaram seu braço-direito Gustavo Bebianno e seu guru econômico Paulo Guedes, cotado para o Ministério da Fazenda. Durante o trajeto da Barra da Tijuca, onde mora, até a Base Aérea do Galeão, um dos batedores se acidentou.

O ministro extraordinário da transição, Onyx Lorenzoni, anunciou nesta segunda-feira que os trabalhos da equipe começaram com a formação de grupos temáticosem dez áreas. Em rápido pronunciamento à imprensa, Onyx listou os grupos formados e destacou que novos grupos devem ser criados no decorrer do trabalho. Agricultura, Meio Ambiente e Produção Sustentável ficaram como um tema único nessa divisão inicial. Na semana passada, Bolsonaro sinalizou que pode desistir de fundir as pastas da Agricultura e Meio Ambiente, como tinha anunciado anteriormente. O governo nomeou hoje 27 pessoas para equipe de transição de Bolsonaro.

Bolsonaro viajou apenas em aviões de carreira durante a campanha, inclusive quando teve alta do hospital em São Paulo e retornou para sua casa no Rio após o atentado sofrido em setembro. A escolha por viajar de FAB atenderia a um pedido da sua segurança, que foi reforçada após a eleição.

O Comando da Aeronáutica ofereceu três jatos que poderão ser utilizados pelo presidente eleito. São os aviões VC-99A (ERJ 145), VC-99B (ERJ 135 Legacy) e VC-099C (ERJ 135). O pedido do Ministério da Segurança chegou ao comando da Aeronáutica por intermédio do Ministério da Defesa. No pedido, o Ministério da Segurança argumenta que a ideia é garantir “a incolumidade da autoridade”.


Leia a notícia completa em O Globo Bolsonaro embarca para Brasília em avião da FAB; transição e encontro com Temer estão na agenda

O que você pensa sobre isso?